-

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Internet Campo de Batalha?

Renata (minha filha escritora, esperantista, anti-colonialista, incentivadora da leitura - links disponíveis) se enjoou de alguns bate-bocas que ocorrem em comentários a publicações no Facebook, e resolveu lançar um manifesto:


Isso ocorre também em blogs que já visitei. Já testemunhei uma saraivada de ofensas via comentários a posts de amigos meus blogueiros. Ainda bem que o meu ainda é piquinininho e que meu público tem um nível que não comporta esse tipo de .... comportamento!!!

Homerix Tô Com Renata E Não Abro Ventura

6 comentários:

  1. Sou contra criar polêmicas nessas redes sociais e blogs. Cada um tem direito a pensar como quiser e não acredito que sejam esses os melhores locais para se tentar convencer alguém de algo. Gosto de ler pontos de vista diferentes e de colocar os meus. E só. Nada de críticas, mesmo as chamadas construtivas, pois não sabemos quem todos os nossos leitores. Pessoalmente, bebendo um café ou um uisque (dependendo da hora do dia), é outra história.

    ResponderExcluir
  2. Homerix,

    Boa educação é tudo!

    ResponderExcluir
  3. Tô com a Renata e o Homerix. E os intolerantes e mal educados na internet que vão todos pra p.q.p...

    ResponderExcluir
  4. Sendo...149.876... posso dizer que energia circulante é crescente e abrangente aos que se interagem... nada, pois de agressões, que funciona em contrário... vetorizando em direção inversa.
    Paulus

    ResponderExcluir
  5. Homero,

    Isso me fez lembrar os primórdios da Internet, em que eram comuns as famosas "netiquetas" (etiquetas para a net), em que aquelas regrinhas todas ao menos serviam para que refletíssemso sobre o que como e quando escrever.

    Felizmente os pouquíssimos grupos que participo são "light". Tem um que participo há uns 10 anos que é relativamente grande e só me lembro de um início de discussão. E só.

    Ricardo Haddad

    ResponderExcluir
  6. Não tenho perfil nessas redes, exatamente por achar que a maioria está alí para fofocas, devassa da vida privada e trocas de insultos.

    Itamar

    ResponderExcluir